Profissão

Fotos: Instituto Magnus/ Divulgação

Primeiros filhotes do Instituto Magnus | Blog Pets e Patas

 

A última semana de novembro marcou a chegada dos primeiros filhotes de labrador ao Instituto Magnus – primeiro do estado especializado no treinamento de cães-guias. Cinco cães (quatro machos e uma fêmea) foram entregues às famílias voluntárias, selecionadas para fazer a socialização dos animais até que eles completem, aproximadamente, um ano de idade.

Os filhotes são: Astor (macho, cor chocolate); Badusca (fêmea, amarela); Bento (macho, preto); Chicó e Charlie (machos, ambos amarelos). Astor nasceu no último mês de abril; Badusca, em setembro. Já os outros são mais novos: vieram ao mundo em outubro.

Primeiros filhotes do Instituto Magnus | Blog Pets e Patas

O instituto terá a sua sede, que está em construção, na cidade de Salto de Pirapora, Região Metropolitana de Sorocaba. O local disponibilizará uma estrutura completa tanto para preparação dos cães, quanto para a orientação às famílias. “A primeira grande missão do programa é engajar voluntários da região de Sorocaba para socializar os cães e apresentá-los às mais diversas situações do dia a dia, como lazer, viagens, transporte público e a convivência com crianças”, afirma George Harrison, especialista do Instituto Magnus.

Ao final do período de adaptação, os cães serão devolvidos para o centro de treinamento, onde aprenderão os comandos para atuar junto à pessoa com deficiência visual. A partir daí, eles passam a usar os acessórios para comunicação com o humano e, caso estejam aptos a exercer a função de guia, já começarão a adaptação junto aos seus futuros donos, com quem vão conviver por muito tempo. “Há casos de animais que exerceram esse papel até os 12 anos de idade”, finaliza o profissional.

 

Assina cris

Imagens: Divulgação

 

Dia do Veterinário Bayer | Blog Pets e Patas

 

Eles são adoráveis e conquistam cada vez mais espaço nos lares das famílias brasileiras. A população de cães e gatos está presente em 44% dos lares das classes A, B e C no Brasil, de acordo com o Radar Pet, uma pesquisa encomendada pela Comissão de Animais de Companhia (COMAC). Além disso, o país tem a segunda maior população de pets do mundo, com 52 milhões de cães e 22 milhões de gatos, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Porém, o que tem se destacado atualmente não é apenas esse representativo número populacional, mas, sim, a relação que os humanos têm criado com os animais de companhia, alçando-os a importantes membros da família e cercando-os de cuidados. Nesse sentido, os médicos veterinários tem um papel cada vez mais importante para as famílias, por serem os especialistas que indicam cuidados preventivos e de tratamento para garantir o bem-estar e a qualidade de vida dos animais de companhia.

Para homenagear esse profissional que possui importante papel para os pets e tem seu dia comemorado em 9 de setembro, a Saúde Animal da Bayer acaba de lançar a campanha “Corrida do Agradecimento”. Criada pela agência W3Haus, a ação consiste na projeção de um vídeo nas paredes do túnel da Linha Amarela do Metrô de São Paulo, entre as estações Fradique Coutinho e Paulista. Até o dia 11 de setembro, todos os usuários que passarem por esse trecho poderão ver a transmissão, que contém 15 segundos, de um cachorro correndo ao lado do vagão de Metrô, uma alusão ao fato dele ter muita saúde e vitalidade por ter cuidados regulares com seu médico veterinário.

 
Dia do Veterinário Bayer | Blog Pets e Patas

 

A ação leva a assinatura “Onde tem um veterinário, tem um animal protegido e feliz”. “Quem tem um animal como melhor amigo quer que ele viva mais e melhor. Para isso, o acompanhamento do médico veterinário e a prevenção são fundamentais durante toda a vida dos pets, e nós quisemos ressaltar exatamente isso.”, explica Ana Lúcia Rivera, gerente de marketing da Saúde Animal da Bayer.

Para Ana Leticia Gulin, gerente responsável pela marca Seresto que patrocina a campanha, a ação reafirma o respeito e a confiança que a empresa e a sociedade têm com esse profissional. “O médico veterinário é a pessoa de confiança das famílias, a quem elas podem recorrer, tanto em momentos de emergência, quanto em consultas preventivas. Justamente por terem essa relevância para a sociedade, eles precisam ser homenageados, uma vez que se empenham em sempre se manterem atualizados e dedicam sua vida profissional ao bem-estar dos animais”, destaca.

 

Legal dar de cara com um cachorrinho correndo no Metrô, né?! Ainda mais para homenagear quem cuida com tanto carinho dos nossos filhotes!

 
assina redação

Fonte: Vet Quality
Foto: Banco de imagens

Já pensou em ser veterinário? Aqui essa ideia passou muito pouco pela minha cabeça: acredito que não conseguiria ter sangue frio para manipular agulhas e bisturis em pets fofos e também não saberia lidar muito bem com o sofrimento dos bichinhos.

Mas essa é uma profissão maravilhosa, em alta e que pode render até experiências internacionais. Quer ver só? Confira o release que recebemos da Vet Quality, hospital veterinário 24 horas, especializado em cuidados de cães e gatos, que fica no Campo Belo, São Paulo/SP.

Carreira de médico veterinário em outros países | Blog Pets e Patas

Quem escolhe cursar a faculdade de medicina veterinária se apaixona pela profissão. No Brasil, o mercado é bastante promissor e ganhou força com o advento dos pet shops e clínicas veterinárias especializadas.

Porém, não é raro que os médicos veterinários queiram se arriscar em terras estrangeiras, seja para começar uma pós-graduação ou para realizar um sonho de morar fora. E quando isto acontece fica a dúvida: é possível exercer a medicina veterinária fora do país?

Para que o diploma de graduação em veterinária seja reconhecido em outros países, faz-se necessário submetê-lo a uma validação, geralmente realizado por organizações especializadas no reconhecimento de diplomas estrangeiros.

Esse processo é bastante burocrático, pois o interessado precisa apresentar uma infinidade de documentos e, em alguns casos, se submeter a provas específicas. Como se não bastasse, nem sempre o candidato recebe a aprovação que tanto espera, mesmo quando entra com recurso para solicitar a reavaliação do caso.

Clique aqui para ler o post completo

SOBRE

Blog criado pela jornalista Cris Marques, de Guarulhos/SP, apaixonada por animais, mãe do cãozinho Bilbo e das hamsters Bubbles e Marceline (que viraram estrelinha em 2016), e uma fã incondicional de informação e novidades. Quer descobrir mais sobre o mundo pet?

Então seja bem-vindo!


Saiba +

Apoio

Confira os bastidores do “III Dia do AdoCão”, realizado em São Paulo pela Pedigree:


P&P no Facebook